Bem-vindos ao seu fã-site oficial da modelo Gigi Hadid no Brasil
Instagram Twitter Youtube

Virgil Abloh produziu um dos grandes momentos da semana de moda de Paris com o desfile de sua marca Off White. O local escolhido foi o no Centro Pompidou, um museu que abriga uma das melhores coleções de arte moderna e contemporânea do mundo. . Apesar de não ter comparecido à semana de moda francesa, Virgil preparou um desfile e tanto!

A coleção foi inspirada em “Chuva de Meteoros” e a coleção teve como música de fundo uma entrevista de Mae Jemison, engenheira química e primeira mulher negra a ir ao espaço. Abloh queria mostrar o poder da mulher. “Ela pode aguentar uma chuva de meteoros, fisicamente e mentalmente falando” – contou o estilista.

Um mix dos anos 90 com o futurismo da marca foi mostrado nas passarelas. Peças urbanas com as silhuetas marcantes de 1990, jaquetas e modelagens ampas e descontraídas.

Com um vestido monocromático rosa Gigi Hadid passou pela passarela esbanjando confiança. Com os cabelos soltos e a maquiagem leve com um destaque nos olhos, a beleza da modelo teve ainda mais destaque.

d_28129.pngd_28329.png2_28229~25.jpg1177291423.png1177323605.png

1177301575.pngn_28129.pngbackstage-defile-off-white-printemps-ete-2020-paris-coulisses-65.jpg11-off-white-backstage-pfw-ss20-corey-tenold.jpg1_28529~98.jpg

Gigi Hadid estreou na semana de moda de Paris com a Lanvin, no terceiro dia do evento. A nova coleção de Bruno Sialelli foi marcada por três momentos: Os ternos de manga redonda para mulheres, as malhas distorcidas de listras marinheiras para homens e mulheres, e a chuva de vestidos de tecido duplo super detalhistas. Pronto.

A pegada marinheiro estava bastante presente, inclusive nas roupas masculinas, onde os colares de marinheiro se destacavam. Sialelli foi bastante inteligente nessa coleção, mas deixou a desejar com a criatividade, já que essa coleção foi muito similar com a do ano passado.

A grande atração do desfile foi a chuva. O desfile foi a céu aberto, os convidados tiveram que segurar o guarda chuva em pleno desfile para poder assistir a nova coleção de Bruno. Tanto é que o designer nem apareceu na line-up, de tão envergonhado que ficou.

Ao lado de sua irmã Bella, Gigi fez seu debut para a marca com um look bem despojado e ao mesmo tempo elegante. Apesar de todas as criticas, a coleção foi bem bonita e bastante moderna.

1170968147.png1170982562.png1176980810.pnge5462w3q_28429.jpge5462w3q_28629.jpg

g_28129~30.jpgg_28829~20.jpgg_28829~20.jpgg_281329~12.jpgg_282129~6.jpg

Dia 20 de setembro foi o dia que Donatella Versace escolheu para marcar mais uma vez seu nome no mundo da moda. Devido a um vestido assinado pela estilista por Jennifer Lopez no Grammy Awards em fevereiro de 2000, o Google se sentiu pressionado a criar uma nova ferramenta para busca de imagens já que as pessoas estavam enlouquecidas atrás do vestido verde estampado usado por Lopez. Em uma coletiva de imprensa antes do desfile, Donatella deu a seguinte declaração:

“Todos seguimos a tecnologia. Está no centro de nossas vidas hoje, mas há 20 anos não estava. Tenho orgulho de termos inspirado o Google Imagens”.

A coleção primavera/verão 2020 da Versace trouxe estampas de selva e muito preto nas roupas usadas pelas modelos na passarela, além de projeções de arte digitais nas paredes cedidas pelo Google.

O desfile começou de forma discreta com uma série de vestidos pretos sendo apresentados, sandálias de tiras de diversos modelos, incluindo o modelo gladiador. A coleção foi ganhando vida com estampas de selva nas roupas onde a silhueta sob medida e peças com ombros bufantes foram ganhando ainda mais destaque. Todos os acessórios usados eram dourados e os mesmos deram ainda mais luxo as peças desfiladas.

Gigi Hadid mais uma vez desfilou para a grife, já conhecida como a queridinha da Donatella. A modelo desfilou com um vestido preto com um recorte magnifico na cintura. O look de Hadid foi composto por uma maquiagem esplendida na cor laranja nos olhos e batom nude. Uma mini bag preta também acompanhou Hadid na passarela.

O público se colocou de pé no quando Jennifer Lopez fechou o desfile. Lopez usou o icônico vestido verde com algumas alterações, mas que deixou a cantora ainda mais exuberante. Jlo foi acompanhada por Donatella Versace na volta final e em seguida se juntou a Gigi Hadid e outras modelos presentes.

Após o desfile Hadid marcou presença na After Party da Versace. Ao lado de sua irmã Bella Hadid, e de amigas e modelos como Kendall Jenner, Kaia Gerber e Irina Shayk, Gigi usou um look estampado total Versace. Vestida com um terno de lycra multicolor, a roupa extremamente estampada apresentava a marca forte da grife italiana em tons ousadamente brilhantes. A loira também calçava um scarpin rosa que destacavam ainda mais a roupa escolhida.

1169860939.png 1169860946.png 1169860939~0.png 1169860946~0.png 1169905338.png

ertwref_28729.jpg 1176012357.png 1176012358.png 1176012377.png ertwref_281029.jpg

Depois de um sucesso tremendo com sua primeira coleção em parceria com Reebok, Primavera/Verão no ano passado, este ano Gigi Hadid trouxe uma segunda linha de roupas esportivas com a marca! Sendo uma coleção Outono/Inverno as peças são inspiradas nos anos 90, que reproduzem o amor de Hadid pelas atividades ao ar livre.

“Tudo ao ar livre me inspira. A luz, as cores, a energia, a complexidade. Minha coleção da segunda temporada tem como objetivo apoiá-lo, trabalhar com você, trabalhar com as temperaturas, com o meio ambiente”, disse Hadid em um comunicado. “Para mim é ilimitado o sentimento da natureza e a capacidade de respirar, olhar para o céu e me sentir ilimitado. Quando você encontra o que faz você se sentir livre, pode realmente fazer qualquer coisa”.

No que diz respeito ao calçado, a coleção apresenta um novo tênis DMX 2k Zip, que possui uma parte superior em tecido e couro sintético, detalhes em zíper sobre os cadarços e uma sola de borracha durável. A paleta de cores do tênis vem em bege ou preto / cinza. As cores que estão na moda estão na moda para estilos esportivos ao ar livre nesta temporada, como pode ser visto em alguns dos brilhantes acentos laranja-rosa do sapato. Marrons também são grandes . Os produtos no geral, que variam entre alguns modelos de jaquetas, leggings, top e moletom foram renderizados em uma paleta inspirada no exterior, com caqui do deserto e azul-céu unindo branco e preto.

Além das roupas a linha também está contando com acessórios como bonés, mochila, pochette e meias, sendo elas as peças com menor preço.

A coleção ainda não está disponível na loja online da Reebok no Brasil mas quando isso acontecer estaremos informando em nosso Twitter (@GigiHadidBR) e em nosso Instagram (@gigihadidbra) portanto, não deixem de nos seguir para não perder em saber sobre isso em primeira mão!

3~575.jpg5aec2085519257e4cdb677f7b1631945bf52852d.jpg632060e0ec5c7952a4b38eaa694f49befdb0d321.jpg61e03a8222f0008ac092cd0796b913fd2659629b.jpgff257d8c11693cf055d12afc321ac1b992c42ffe.jpg

Jeremy Scott decidiu unir o útil ao agradável na Semana de Moda de Milão. É impossível não associar moda e arte a Itália e foi unindo estas duas coisas que o estilista mais uma vez deixou seu nome em destaque. No ultimo dia 19,o designer apresentou o desfile primavera/verão 2020 da Moschino e já no inicio fomos impactados com o tudo que havia sido preparado.

O desfile da temporada foi inspirado no pintor espanhol Pablo Picasso e as roupas apresentadas tiveram uma forte inspiração nos anos 80. As modelos desfilaram no Palazzo del Ghiaccio, que foi inaugurado em 1923 e até hoje serve como endereço de grandes desfiles, exposições e bailes de gala.

No inicio da passarela havia um arco em forma de quadro por onde as modelos passaram. As roupas remetiam totalmente a arte e algumas deles desfilaram com roupas em formato de instrumentos e quadros.

Pelo segundo ano consecutivo, Gigi Hadid desfilou com um vestido de noiva. O vestido drapeado curto e tinha mangas no estilo coque e pombas bordadas na silhueta da modelo. Gigi desfilou ao som de “O amor é um pássaro rebelde”, da ópera Carmen de Bizet. Em seu segundo look na passarela, Hadid usou um terno de fundo branco com alta referencia da arte de Picasso nos tons de azul e amarelo.

j_28429~4.jpg j_28229~4.jpg j_28129~4.jpg j_28629~2.jpg j_281129~1.jpg

1175771522.png 1175771611.png 1175782019.png 1175804871.png 1175804865.png

Para nossa grande surpresa de 2019, Gigi Hadid foi capa da Vogue Brasil na edição de Setembro pela terceira vez, e pelo segundo ano consecutivo, e com certeza não poderíamos deixar algo tão importante passar despercebido e então organizamos um sorteio maravilhoso para vocês terem a oportunidade de ter um exemplar da revista em sua casa.

Para poder participar é muito fácil: 

  • Siga o Gigi Hadid Brasil no Twitter (@GigiHadidBR)
  • Dê RT no tweet que está no fixado
  • Marque 3 amigos nos comentários do mesmo tweet

         PRONTO! Você já está concorrendo. 

REGULAMENTO:

  1. O participante precisa estar obrigatoriamente seguindo TODAS as regras para participar se não, será desclassificado;
  2. Esse sorteio não tem qualquer custo para o ganhador;
  3. O sorteio é válido somente para todo o território brasileiro;
  4. O sorteio será realizado através de um site;
  5. O ganhador terá 48h para entrar em contato conosco através da DM do nosso Twitter, caso não aconteça isso estaremos refazendo o sorteio;
  6. É proibido estar marcando contas salvas ou famosos referente à terceira regra;
  7. Nós nos comprometemos em enviar o prêmio para o ganhador em um prazo de 90 dias úteis após o resultado;
  8. Pode marcar quantas vezes quiser os amigos, mas somente pode marcar 2 amigos por vez e precisa ser contas diferentes;

O resultado do sorteio será no dia 30 de novembro (Sábado) às 19:00 horas (no horário de Brasília) em nosso Twitter (@GigiHadidBR). Não perca tempo e participe!

Após a morte do lendário designer Karl Lagerfeld a diretora criativa Silvia Venturini Fendi saiu sozinha ao comando da linha de roupas femininas da grife italiana, pela primeira vez, durante a Semana de Moda de Milão! Ao som de “Let the Sunshine in“, do musical “Hair” de 1967 e com passarela compensada com uma enorme instalação solar que, surpreendentemente, parecia bastante simbólica segundo Fendi , a coleção Primavera/Verão  era tudo sobre ‘novos começos’. Inspirada pelo sentimento de felicidade mais associado aos longos dias de verão e tardes passadas ao sol, a designer descreveu sua coleção de novas temporadas como “um clima solar”, as modelos desfilaram pela passarela em uma  série de looks que não pareciam fora de lugar em um calçadão de Miami nos anos 1970, tops simples, cardigãs de malha larga, vestidos de lantejoulas, casacos de pele coloridos, calças justas estampadas, shorts de cintura alta, com uma paleta de cores variando de tons profundos de ferrugem e laranja, até o amarelo brilhante e o verde cáqui.

Os acessórios vieram na forma de enormes sacolas – ideais para um dia na praia, óculos de sol – enormes óculos de sol e brincos de candelabro com o logotipo da casa lendária

Gigi Hadid com certeza marcou presença mais uma vez no Fashion Show, usando um look inteiramente em tons laranja que consistia em uma camiseta de botões e short em estampa xadrez e um casaco comprido por cima. A modelo também carregava uma bolsa marrom e tinha seu rosto enfeitado por um óculos estilo anos 90, como foi inspirado a coleção inteira da grife.

1169407493.png1169407528.png1175700324.png1175700832.png1175701006.png

A nova coleção da Primavera/Verão de Ian Griffiths para Max Mara é um guarda-roupa para um thriller de espionagem liderado por mulheres, com roupas, como ele disse, para tudo, desde a “perseguição de carros até a cena do baile”. O diretor criativo vestiu seu exército escultural de agentes em camisas de estilo militar, gravatas finas e saias de lápis estritas com cintos de bolso práticos – embora houvesse espaço para apenas uma lupa bebê ali. A paleta também era incógnita, com cinzas e brancos pontuados por ocasionais manchas de pastel.

Vários conjuntos foram complementados com estojos que, embora sejam um detalhe incomum para uma marca conhecida por seus casacos de caxemira tradicionais, as notas do programa os colocam no contexto da narrativa ficcional. Com a dama de honra capaz de trabalhar sem armas, eles revezaram, “não havia necessidade de uma arma na época, mas o coldre cria um detalhe de design muito elegante”.

Disseram à platéia que a coleção foi inspirada por Phoebe Waller-Bridge, que está animando o próximo roteiro de Bond . No entanto, as longas tranças no estilo Pippi das meias altas e as meias até o joelho estavam mais alinhadas com o guarda-roupa minox e experimental de sua personagem de Killing Eve, Villanelle . Em vez disso, coube a roupas de três peças e casacos de caxemira e cetim para nos lembrar que Max Mara atende à mulher comum, bem como a aspirantes a agentes secretos.

Gigi Hadid passou duas vezes pela passarela e com companhia em ambas as ocasiões. Na primeira vez Hadid andou juntamente com Candice Swanepoel, Doutzen Kroes onde o trio vestiu ternos cinza com seus cabelos trançados em duas tranças embutidas e com seus lábios cobertos por um batom escuro bordô. Na segunda vez a modelo também desfilou acompanhada por, Joans Smalls, Kaia Gerber e Bella Hadid, usando um vestido longo com babados em sua bainha em tom de cinza claro.

1169400193.png1169400366.png1169400564.png1175665118.png1175666995.png