19.08.21
Gigi Hadid desfila para Marc Jacobs Outono 2021
Publicado por Brenda

Como muitos que trabalharam em meio a uma pandemia global, Marc Jacobs reservou um tempo em quarentena para respirar e reiniciar. Mas, ao contrário dos designers que experimentaram apresentações virtuais e continuaram a avançar com novas coleções, não vimos uma passarela de sua marca de mesmo nome desde a vida pré-pandêmica. O que costumava ser o destaque e o grand finale da New York Fashion Week cessou totalmente a produção, deixando cada temporada desde sua partida um pouco mais vazia do que a anterior. Após seu breve hiato, Jacobs voltou com força total para o outono de 2021, com um desfile privado realizado na Biblioteca Pública de Nova York, projetado simultaneamente na fachada da Bergdorf Goodman, no dia 28 de junho. 

O tempo longe deu a Marc Jacobs a reconexão com a felicidade e a criatividade, que aparece em espadas na coleção, de silhuetas exageradas às cores exuberantes que usa, Jacobs nos ofereceu alguns designs verdadeiramente alegres. O designer brincou com o volume com puffers semelhantes a um casulo. Repleta de grunge dos anos 90, flanela e uma atitude punk, a coleção icônica foi um exemplo brilhante da estética que vemos retornar hoje.

As modelos passaram pela passarela, incluindo Gigi Hadid que até o momento só tinha desfilado para Versace no inicio do ano, usavam coberturas faciais, na forma de abotoaduras que desciam pelos ombros, sem falar nos capuzes gigantes – sob as quais usavam cílios longos e exagerados. Quanto ao resto da coleção as coisas começaram com uma série de calças largas e casacos grandes – vários deles arrastando-se no chão de mármore. Mas, no final do show, as modelos – todas usando plataformas altas, mas ainda assim vestíveis – começaram a desnudar mais a pele. Embora ainda quase cobertos, vários dos que usavam luvas que iam até os cotovelos tinham as costas inteiramente expostas. 

LOOK_57_-_GIGI.jpgLOOK_22_-_GIGI.jpg