22.12.23
Gigi Hadid é rosto da campanha Resort 2024 da Self-Portrait
Postado por Equipe GHBR
Compartilhe

Gigi Hadid incorpora elegância e poder em uma paisagem noturna parisiense no último capítulo da campanha Resort 2024 da Self-Portrait. Capturada no cenário romântico de Paris à noite, a campanha apresenta os designs deslumbrantes da coleção destacando o compromisso da marca com roupas modernas e funcionais para o dia e para a noite.

Fotografada por Tyrone Lebon e estilizada por Marie Chaix , a coleção apresenta uma variedade de peças requintadas. Destacam-se entre eles um minivestido bouclé creme com gola redonda e detalhes em laço, uma jaqueta curta bouclé de lantejoulas azuis e uma minissaia com detalhes embelezados, um top preto com babados combinado com uma minissaia de lantejoulas e um impressionante body marrom sem alças complementado por strass.

Han Chong, fundador e diretor criativo da Self-Portrait, expressou seu entusiasmo em continuar a colaboração com Gigi Hadid, destacando a alegria de capturar seu fascínio na cidade de Paris, “Trabalhar com Gigi é sempre muito divertido, desta vez fotografando-a em Paris à noite. Foi uma alegria continuar a nossa colaboração ao longo das temporadas”.

SP_Batch_3_2164x2704px_No_Logo_4.jpgSP_Batch_3_2164x2704px_No_Logo_2.jpgSP_Batch_3_3844x2164px_3_28129.jpg20231121_201704.jpg

Tags: Campanhas
21.12.23
Gigi Hadid estampa a coleção ZARA X Steven Meisel
Postado por Equipe GHBR
Compartilhe

Gigi Hadid foi uma das modelos que estampou a nova coleção da ZARA que foi feita em colaboração com o Steven Meisel. Steven é um fotografo norte-americano que tem uma grande influência no mundo da moda e já fotografou trabalhos icônicos, com isso ele se tornou uma referência no assunto. Para fotografar essa coleção foi escolhido modelos que tem uma história com o fotografo no mundo da moda.

Durante seus anos na moda Meisel criou um estilo próprio de fotografar a moda e assim ele conseguiu transmitir para as pessoas algo mais profundo, que ia além da fotografia e se tornava uma arte. Esse estilo único foi a inspiração para essa nova coleção, que foi fotografada pelo próprio. Desta forma, nessa colaboração nós conseguimos ver de tudo, desde coletes de couro a botas de cano alto, todas as peças são pretas e elas trazem uma vibe dos anos 90, sendo roupas que as pessoas conseguem usar no dia a dia e são versáteis como o estilo de moda americano.

Gigi fotografou dois looks para essa coleção, um era composto por um top e uma saia que tinha botões que atravessavam o tecido e outra também era composto por um top e um blusão que parecia ser feito de crochê e era todo furado, todas as peças eram pretas. Em todas as fotos o que mais chamava a atenção era a produção feita na modelo e as expressões faciais que ela fazia, algo típico da fotografia de Steven. Além da Hadid outras modelos fotografaram a campanha como Linda Evangelista Kaia Gerber.

1000157647.jpg1000157646.jpg

Tags: Campanhas
03.12.23
Entenda mais sobre o lado palestino da familia da Gigi Hadid
Postado por Equipe GHBR
Compartilhe

É de conhecimento de muitos que a Gigi Hadid é de origem palestina por parte do seu pais Mohamed Hadid, mas por ser até mesmo pouco falado muitas pessoas ainda não sabem sobre esse lado da familia Hadid e a críticam muito quando ela vem em defesa e Palestina dizendo que ela é uma modelo americana e não tem lugar de fala, excluindo totalmente o seu lado palestino.

Então por isso hoje vamos falar um pouco sobre a história da familia Hadid e seu lado palestino!

O pai de Gigi Hadid, Mohamed Anwar Hadid nasceu em uma familia muçulmana palestina em Nazaré, na região norte da Galileia, mas em sua identidade que já foi compartilhada por seus filhos o local do seu nascimento é indicado como Palestina. Através de sua mãe, Hadid afirma ser descendente de Dahir al-Umar, um governante árabe do norte da Palestina do século XVIII.

Mohamed já disse que seu pai hospedou duas famílias judias fugitivas da Europa, que chegaram ao porto de Haifa de navio vindo da Polônia e da Hungria em sua casa em Safed, e sua mãe foi para Nazaré para dar à luz a ele dois anos depois, durante a segunda Guerra Mundial.

Ele mencionou que quando era recém-nascido, a sua mãe, juntamente com a sua irmã de dois anos, regressaram à sua casa em Safed, que foi tomada por colonos judeus.

Mohamed Hadid nasceu durante o primeiro conflito entre Israel e Palestina em 1948, que foi quando grupos judeus começaram a tomar terras palestinas.

“Quando eu tinha apenas nove dias de idade, minha mãe, levando minha irmã de dois anos com ela, voltou para nossa casa em Safed. Safed quase havia sido tomada pelos residentes judeus de lá. Meu pai, professor da Universidade de Haifa , também não estava em casa. Quando chegamos na parte da nossa casa que era da minha mãe e da nossa família, não nos deixaram entrar”.

Hadid lembrou que sua mãe, percebendo que agora eram refugiados, tentou levar um cobertor de casa para que seus filhos não sentissem frio na estrada. Mesmo assim, a família judia não permitiu que entrassem, não permitindo que ela levasse o álbum de fotos.

Então a família de Mohamed fugiram para o Líbano caminhando durante duas noites para chegar à fronteira libanesa e receberam abrigo como refugiados na Síria porque o avô da Gigi “não queria que a família vivesse sob a ocupação israelense”.

Mohamed sempre compartilhou a história da sua famila palestina com seus filhos fazendo os mesmos terem contato com o lado palestino da sua familia, sendo assim todos seus filhos, incluindo Gigi, são muito ativos na luta da Palestina.

Por sempre se manifestarem a favor da palestina defendo suas origem a familia Hadid sempre acabam recebendo diversas ameaças.

Como recentemente que todos da familia receberam ameaças de morte através de email, redes sociais e seus números privados, que foram vazados, após defenderem a Palestina no Instagram.

Gigi Hadid também já recebeu diversas ameaças como recentemente que ela foi ameaçada públicamente em uma postagem no Instagram oficial do governo de Israel ou como também em 2021 que teve seu rosto estampado em uma publicação do jornal New York Times que foi paga por um empresário contra a Palestina ao lado de Dua Lipa e Bella Hadid falando para os americanos condenar as três as difamando.

Esse ano Gigi também foi perseguida por israelitas após postar sobre Ahmed Manasra que foi preso com 13 anos apenas por ser palestino e após ver seu primo ser morto na sua frente, para dizer que Israel é o único país no mundo que mantém as crianças como prisioneiras de guerra, onde espalharam que a história de Ahmed era falsa e que ele foi preso por matar esfaquer e ferir dois israelenses, sendo que ele foi totalmente uma vítima, fazendo Hadid ter que se justificar e dizer que ela usou uma história errada, depois de tantas ameaças contra ela nas redes sociais.

Mas apesar disso tudo a familia Hadid continua compartilhando a verdadeira história da Palestina com muito orgulho e mostrando o lado do seu povo.

Se você quiser fazer uma doação para as milhares de familias palestinas em Gaza que precisam de sua ajuda, acesse o nosso Instagram (@gigihadidbra), que estamos com um destaque exclusivo para todas as ações de doações que já compartilhamos.

22.11.23
Gigi Hadid é rosto da campanha Le Chouchou da Jacquemus
Postado por Brenda
Compartilhe

Depois de desfilar essa coleção alguns meses atrás Gigi Hadid está estampando a campanha da coleção Le Chouchou da Jacquemus. campanha , filmada por Johnny Dufort e estilizada por Ursina Gysi, apresenta Hadid em situações inspiradas na arte abstrata, como sentada em uma banheira de espuma com uma cereja no topo.

A campanha também traz imagens de tigelas de cerejas e uma única cereja jogada em um campo gramado. Quanto às roupas, Hadid usa uma estrutura de bola inspirada na maçã com um top branco etéreo e mangas brancas esvoaçantes com calças brancas.

Gigi também posa com um vestido em formato de balão vermelho enquanto encarna uma maçã no campo. Em outra imagem, ela vestiu um vestido de baile prateado no formato literal de uma bola enquanto brincava com uma mangueira, parecendo alegre ao lado de uma fonte.

20230905_160742.jpgjacquemus_20230905_p_3185228194977527473_4_3185228188862185191.jpgjacquemus_20230905_p_3185228194977527473_5_3185228188837014219.jpgjacquemus_20230905_p_3185228194977527473_1_3185228189080267616.jpg

Tags: Campanhas
21.11.23
Gigi Hadid é rosto da campanha Outono/Inverno 2023 da Boss
Postado por Brenda
Compartilhe

Depois de ser rosto pela primeira vez de uma campanha da Boss no inicio do ano virando uma das embaixadoras Gigi Hadid está estampando a mais nova campanha Outono/Inverno 2023 da marca ao lado de Naomi Campbell, Maluma, Lee Minho, Khaby Lame e Matteo Berrettini, a campanha oferece um ângulo mais íntimo sobre as suas histórias individuais. Também apresenta o quarterback do futebol americano, Patrick Mahomes, e a atriz britânica, Suki Waterhouse, como novos embaixadores da marca. Vídeos curtos em preto e branco destacam esses BOSSes compartilhando as histórias inspiradoras que definiram sua jornada até agora e refletem sobre os momentos que moldaram quem eles são hoje. Enquanto usam peças da nova coleção BOSS, imagens de arquivo são projetadas em segundo plano, proporcionando uma visão próxima e pessoal de sua escalada ao topo de suas áreas. Cada vídeo íntimo apresenta música de fundo emotiva na forma da icônica canção de Tupac Shakur, Changes.

A coleção Outono/Inverno 2023 oferece uma mistura de texturas sofisticadas infundidas com uma abordagem descontraída, incorporando o espírito da marca BOSS de autodeterminação e alfaiataria distinta. Composto por estilos elevados com um toque retro-moderno, apresenta cores marcantes e estampas inspiradas na natureza ao lado da paleta icônica de preto, branco e camelo da marca. Um impressionante espectro de tons de cinza aumenta e eleva o clima da campanha, trazendo riqueza visual adicional à aparência geral.

1000152007.jpg1000152459.jpg1000152019.jpg1000152397.jpg

Tags: Campanhas
14.11.23
PFW: Gigi Hadid desfila para Miu Miu Primavera/Verão 2024
Postado por Equipe GHBR
Compartilhe

Fechando sua participação na Paris Fashion WeekGigi Hadid desfilou para a Miu Miu, essa foi a última passagem pelas passarelas da Gigi nessa temporada. A modelo já vem trabalhando para a marca com uma certa frequência e nesse desfile ela pode participar de uma das melhores coleções da temporada. Miuccia Prada trouxe uma temporada chuvosa de praia para esse desfile, junto com isso veio várias curiosidades.

Trazendo uma ideia de viagem, a Miu Miu trouxe para as passarelas um cenário de uma viagem para a praia com muita chuva, para criar todo esse mundo paralelo a diretora criativa da marca contou com as peças de roupa, a trilha sonora, o cabelo e a maquiagem. Com modelos molhadas, sungas e chinelos de praia a grife conseguiu cumprir com excelência o que era proposto. As peças de roupa com uma energia caótica e desorganizadas conseguiram trazer muita personalidade para o desfile, e assim a marca conseguiu criar todo um cenário na cabeça do público e mesmo assim não deixou de apresentar uma boa coleção.

As roupas da coleção apresentada são bem versáteis e não precisam ser usadas juntas necessariamente, mesmo com essas características elas funcionam muito bem em conjunto. Elas podem ser usadas em quase todos os momentos, pois podem simbolizar muitas coisas, e isso é muito bom para a marca porque consegue chegar a um público maior.

Hadid atravessou a passarela com uma jaqueta e uma saia dos mesmos tons que tinha como detalhe algo parecido com flores pretas que brilhavam. Além disso, a modelo estava com um óculos, que todas as modelos usaram, um cinto e embaixo da saia nós tínhamos a sensação de que ela estava com um shorts parecido com o de praia. Coisas que também lembravam o ambiente praiano era o cabelo molhado meio bagunçado e o chinelo que ela usava que tinha alguns band-aids coloridos.

Na mesma noite do desfile a marca realizou uma after party que contou com a participação da Gigi e de outras personalidades influentes no mundo da moda para celebrar o sucesso do desfile e da nova coleção.

SPL9951038_063.jpgdpaphotossix692269.jpg1704595045.JPG1704595044.JPG

Tags: Desfiles
11.11.23
PFW: Gigi Hadid desfila para a Chanel Primavera/Verão 2024
Postado por Equipe GHBR
Compartilhe

Gigi Hadid fez seu primeiro desfile nessa Paris Fashion Week para a Chanel. A tradicional marca francesa foi o primeiro desfile do último dia da semana de moda de Paris, a grife contou com a presença de grandes nomes do cinema, da música e da moda. Sob o comado da estilista Virginie Viard a marca apresentou mais uma coleção que ficou entre os destaques do dia.

Depois de um bom tempo, Gigi voltou a desfilar para a Chanel que é uma marca tradicional e muito importante para o mundo da moda. O desfile foi um dos mais aguardados para nessa temporada de Paris e a estilista escolheu mostrar nessa coleção a sua visão objetiva sobre a moda. Para Virginie ser a diretora criativa da grife é uma grande responsabilidade, pois ela sucede o cargo de Karl Lagerfeld, que foi um dos grandes nomes da moda e nos apresentou fantásticas coleções no comando da Chanel, a visão da estilista para a marca é totalmente diferente do que estávamos acostumados nos últimos anos e isso causa uma certa estranheza para uma parte dos consumidores.

Sem cenários muito chocantes, a marca desfilou em um espaço que tinha como inspiração uma casa modernista que pertencia a Maire-Laure Noialles, que é uma artista modernista muito influente no século 20 e ela era uma das amigas da Coco Chanel, dona da marca. A arquitetura geometrica e a decoração com flores também estavam presentes em algumas peças da coleção, juntamente com as características modernistas que estavam nos cortes das roupas. Mesmo com uma nova diretora criativa a marca não perdeu seus traços tradicionais e continua apresentando ternos, bolsas marcantes e roupas com tecidos que brincam bastante com as texturas.

Gigi Hadid atravessou a passarela no meio do desfile, sua roupa era um macacão preto que tinha botões atravessando todo o seu meio e como acessório tinha um cinto metálico. Apesar da peça ser algo bem tradicional ela combina com o que foi usado na coleção, que eram roupas que davam pra usar em todos os lugares e deixavam de lado a parte tão luxuosa.

IS201175.jpg1714886493.jpg1714735057.jpgMEGA1040827_Gigi_Hadid_005.jpg

Tags: Desfiles
19.10.23
Gigi Hadid fala sobre abertura da loja da Guest In Residence, colaborações futuras e sustentabilidade
Postado por Equipe GHBR
Compartilhe

Em sua aconchegante nova loja em 21 Bond Street, Gigi Hadid está convidando todos a serem seus convidados.

Na manhã de quarta-feira, a modelo e empreendedora, vestida em sua recente marca 100% de caxemira, recebeu a WWD na abertura de sua marca, Guest in Residence, onde sua visão criativa de 360º veio à vida no NoHo.

“Nós queríamos que isso fosse como a sala de estar de alguém. Um local acessível para ir às compras, aproveitar, jogar xadrez nos fundos. É acolhedor, confortável e está esfriando na cidade , então venham nós visitar!”. Ela disse, cercada por expositores de madeira, iluminados e coloridos, repletos de peças de caxemira, entre mobílias acolchoadas e decorações cheias de arte.

A nova localização está prevista para ser inaugurada na quinta-feira no piso térreo da 21 Bond Street, um prédio residencial de seis andares localizado entre a nova loja de J. Crew e Goop’s Manhattan Boutique.

Desde de sua concepção, mais ou menos um ano atrás, a marca 100% caxemira de Hadid rapidamente adquiriu uma presença global por meio dos lançamentos sazonais, colaborações exclusivas e lojas temporárias comandadas pela modelo e empreendedora.

Próximo a abertura da loja, Hadid colaborou com LuisaViaRoma para lançar uma coleção cápsula limitada durante a Semana de Moda de Milão com modelos e cores exclusivas, como cardigãs com abertura frontal e croppeds com babados, os quais fazem parte da coleção Outono 2023 da marca. No momento estão havendo vendas online e, em novembro, haverá em lojas físicas. Em adição as lojas temporárias de LuisaViaRoma e Le Bon Marché, Guest in Residence abrirá lojas temporárias, também, com Selfridges e Bergdorf Goodman.

Hadid contou-nos que o sucesso dessas colaborações e lojas temporárias provaram que Guest in Residence estava pronta para uma loja permanente.

“Nós aprendemos tanto sobre o nosso sucesso com essas lojas. Isso nos impulsionou mais rápido para a abertura de nossa primeira loja.” Ela contou ao WWD sobre a abertura.

De longe, os modelos mais vendidos, tanto em vendas diretas ao consumidor quando em quiosques interativos, desde “Feel Shop” em Nova York no inverno passado e da cápsula em colaboração com The Snow Lodge até os eventos em departamento e as divulgações em Milão e Paris, são: o cardigã “Everywear”, o moletom oversized de gola redonda, o colete “LayerUp!” e o cardigã “Stealth”.

Hadid completou que, ainda que houvesse vendas diretas aos consumidores, as vendas virtuais de Guest In Residence foram um começo perfeito para a marca no ano passado, sua empresa descobriu como as lojas temporárias de departamento engajam e mudam as perspectivas e prospectivas dos compradores.

“Você não sabe como as pessoas estão entrando, ou em qual perspectiva elas estão tendo olhando para o seu site, mas eu acho que, quando as pessoas estão em uma loja e estão de frente para os produtos, elas conseguem sentir isso, tudo faz sentido.” Ela diz. “É quando se apaixonam [pela marca] mais rápido, porque é caxemira. Depois de tê-los dm mãos, você pensa: “Oh! Eu preciso de um desses.” Ela completa.

“Meus colegas, meu parceiro de negócios e a suas esposas, ficam na loja o tempo inteiro e participaram de muitas das vendas temporárias. Eu amo ouvir histórias realmente pessoais de pessoas específicas. Recebo ligações durante o dia, até mesmo essa semana, com um: “Olá! Uma família do Arizona acabou de passar por aqui, amaram tudo e compraram várias coisas.” Hadid diz. De longe, os momentos mais simples, como ver as pessoas nas ruas usando seus designs, compõem suas memórias preferidas como fundadora e diretora criativa durante o ano passado, ela diz.

“Eu amo escutar histórias pessoais aleatórias e eu acho que isso nos ajuda a tornar a experiência cada vez melhor para todos.” Hadid diz.

Ela reforçou que as peças são: “práticas, eternas, atemporais e para ambos os sexos”, alinhada com grande parte da moda que ocupou espaço nas passarelas de outono, e que podem ser: “usadas e compostas de múltiplas maneiras.”

“Você sempre deve estar pensando sobre o que você está criando sob a lente de diferentes pessoas.” Ela adiciona.

Em adição à abertura da primeira loja de Guest in Residence, a marca, também, expandiu de uma venda direta aos compradores para uma rede de distribuição global durante a temporada de outono. Parceiros de departamento, além daqueles com que Hadid já havia colaborado (Antonia Milano, Le Bon Marché, LuisaViaRoma), agora incluem Selfridges, Ssense, Net-a-porter, Harrods e Rinascente Milano.

“Foi uma resposta ao quão bem nós vimos essas [lojas temporárias] venderem quando as pessoas podiam entrar, tocar e ver as peças pessoalmente. Agora nós estamos em Le Bon Marché em Paris e LuisaViaRoma na Europa e agora essa em Nova Iorque. Eu acho que colocá-las onde eu sinto que as pessoas vão gostar é um aprendizado para expandir fora daqui.” Ela diz.

Hadid e sua equipe estão criando manequins e cartelas de cores exclusivas para os parceiros de departamento, os quais Hadid fala que: “É uma ótima oportunidade para dar às pessoas algo especial em cada lugar.”

Bon Marché, LuisaViaRoma e FWRD, por exemplo, possuem uma gama de cores limitada, ela diz: “Nossa loja terá isso com o tempo.”

Ainda que não haja uma parceria oficial ou disponibilidade para compra, Hadid descreve, animada, um par de tênis Adidas Samba, seu sapato para todas as ocasiões, criado especialmente para ela em homenagem a sua abertura da Guest In Residence, nas cores de sua marca: amarelo ouro e tons de azul royal.

“Tem o endereço da Bond Street na parte externa,” Hadid diz “Quando você vê essas cores, você sabe que elas são especiais, ainda que os tênis não sejam de caxemira, eles [expressam] como eu amo ter algo que é como uma memória e uma experiência. Um bom tênis é essencial, assim como um bom suéter”.

“Minha roupa diária é jeans, suéter e Sambas, então tudo combina.” Hadid diz, adicionando que “Um dos seus maiores sonhos está tornando-se realidade.” através de uma colaboração secreta e reclusa que ela está pretendendo lançar no próximo ano.

“Obviamente eu sou uma fã de parcerias, especialmente trabalhando em uma mediada por uma empresa de caxemira. É muito divertido ter as ferramentas e recursos de outras marcas que nós amamos e poder colocar nosso próprio toque nisso, é um novo caminho para nós.” ela diz.

Adquirindo aprendizados dessas parcerias e das vendas prévias, Hadid enfatiza a importância de oferecer aos novos clientes uma experiência que os remeta ao DNA da marca, oferecendo atemporais e luxuosas futuras heranças e o seu amor por “coisas aconchegantes”, enquanto oferece aos clientes rotineiros acesso a novas imersões em seus mais amados modelos da Guest In Residence.

“Eu quero que as pessoas tenham suas coisas preferidas e eu quero que isso seja um conforto para quando elas estiverem tipo “hey, eu preciso de um novo suéter e eu sei que amo o modelo do cardigã “Everywear”, oh veio em novasbcores.” Ela diz. “Eu tive muitas experiências com marcas em que eu menapaixonei por uma peça que eles tinham e eu voltava na próxima temporada, porque eu compraria aquilo em uma nova cor, mas eles nunca mais vendiamnisso. Eu quero que as pessoas tenham itens de conforto.”

A ideia de praticidade e aconchego atreladas diretamente ao espaço de vendas da Guest In Residence, que foi criada em colaboração com a Yaoska Interiors.

Mantendo a sustentabilidade moral e o grande uso de artesanato da marca, a loja é projetada por materiais de baixo impacto, como estantes de carvalho branco, iluminação e móveis de ferro moldado e pisos laminados.

Adentrando o DNA aconchegante da marca (com notas do tempo passado por Hadid na natureza quando era criança), o espaço possui provadores de madeira de abeto inspirados em uma cabine com tapetes azuis e amarelos da marca, paredes de caxemira em cal, uma lareira, móveis vintages (incluindo cadeiras acolchoadas de bares dinamarqueses dos anos 50 e uma mesa de centro),cerâmicas e pinturas artísticas, como a obra “Poolside”, de 2015, do artista Negin Dastgheib.

“Eu quero que seja como se você estivesse entrando na sala de estar de alguém.” Hadid disse. “É, ainda, claro e simples e tem que ser um espaço que é uma base que podemos ir e que possa ser louco como quiser, se eu quisesse, mas também pode ser minimalista e elegante para que pudéssemos passar por diferentes datas comemorativas e estações.”

“Eu quero que alguém que não esteja fazendo compras se sinta confortável.” Ela adiciona. “Eu acho que é porque é parte do meu trabalho, mas eu adoro sobrepor um suéter sob que eu já estou usando. Eu não quero entrar nos provadores o tempo inteiro, eu quero que seja como uma sala de estar confortável. Acho que essa é a vibe da nossa marca e das pessoas que trabalham com a gente.” Hadid explicou. Parte dos toques pessoais da loja decorrem de sua própria herança, suéteres de seu próprio guarda roupa e que foram herdados de seus pais.

Em adição, a localização da loja em 21 Bond Street deve servir como uma extensão da comunidade da marca.

“É legal sentir um pouco de senso de comunidade. Eu acho que quando as pessoas entram no nosso escritório, elas se sentem desse jeito.” Hadid disse sobre a sede da marca nas proximidades. “Nós nos divertimos muito juntos e há uma ótima energia e amizade entre nós, então é bom ter isso em Bond Street.” Ela completa.

“Vivendo próximo da área, nós temos amigos que possuem e que nós conhecemos [dos] restaurantes e lojas. É ótimo convidá-los e nos sentir como uma parte da comunidade de um jeito novo.” Hadid diz. E sua equipe está “colocando seus toques pessoais” na decoração, ela aponta, chamando isso de “um sentimento bom e doce”.

Durante o fim do ano, os clientes podem aproveitar várias experiências na loja por meio de uma parceria com a The Laundress, como serviços de bordados e brinde com as compras com The Laundress Wool e Cashmere Shampoo, com instruções de cuidado com a caxemira (esse último também estará disponívelbdurante o fim do ano).

Hadid disse que a parceria ensinará aos clientes como lavar um suéter de caxemira em uma pia e mais: “Tudo que você usa no cabelo pode ser usado na caxemira, então lave a mão do mesmo jeito e deixe secar naturalmente”, Hadid adiciona.

Com a abertura da loja, a marca está lançando seu primeiro programa de consumo circular em parceria com a marca italiana Re.Verso.

“As pessoas podem devolver nossas peças de 100% de caxemira por 10% de desconto em sua próxima compra. Nós podemos pegar esse suéter, mandar para [Re.Verso, na Toscana], Itália e eles podem reaproveitar e reusar essas fibras em novas peças recicladas, nas quais podemos usar para tudo que quisermos.” Hadid explica. O programa tem como objetivo reduzir o desperdício têxtil, economizar recursos, reusar e reciclar fibras para novas roupas e expandir a economia têxtil circular. Stella McCartney, Eileen Fisher e Patagonia já usaram esse programa.

“Acabei de receber nossa primeira amostra do primeiro suéter feito com essa caxemira reciclada e é tão bonito. Já que é reciclado, é colocado na categoria de cores, então, ainda que pareça verde,uma vez que você observa [mais perto], tem vários pontinhos de milhões de verdes, o que dá esse diferencial, cores que não são normalmente encontradas nas cartelas de caxemira.” Hadid diz.

Em adição, a marca anunciou sua colaboração com a Sustainable Fibre Allianceb (SFA), uma organização sem fins lucrativos que trabalha com pastores da Mongólia e China para garantir que a caxemira é produzida eticamente e com mínimo impacto ambiental.

Hadid diz que o desperdício é uma das razões pelas quais em que ela hesitou em produzir produtos, até recentemente.

“Com tudo que será manufaturado, produzido e vendido, há uma forma de desperdicio gerado e eu acho que é por isso que por tanto tempo eu não queria ter uma empresa e fazer coisas apenas para produzir e vender, sem saber se quando você a colocasse muito perto de uma lâmpada fosse pegar fogo ou algo do tipo. Acho que foi isso que me levou tanto tempo até escolher isso.” Hadid diz.

Para a abertura, a loja oferece uma grande variedade de modelos de Guest in Residence, juntamente com o primeiro lançamento da coleção de inverno, inspirada no movimento de arte psicodélica dos anos 70. Toques dos anos 80 e 90, Benetton e Americana Prep também podem ser vistos pelas paredes em formas de polos de cores primárias, acessórios de cores contrárias (gorros e meias, em tamanhos adultos e infantis), cardigans de cores vivas, macacões e uma infinidade de camisas clássicas. Novas adições à coleção principal também estão disponíveis, como o macacão “Workwear”, que foi trazido de volta de um dos lançamentos iniciais da marca e repaginado em tons centrais de areia, bege e preto.

“Nós estamos trazendo de volta coisas de outras coleções que nós decidimos, já que eram os favoritos de várias pessoas, estamos introduzindo-as na coleção principal, talvez um pouco mais simples e em cores neutras. Nosso lançamento de final de ano está próximo, o que tem mais listras, lindos cardigans, em diferentes estilos, e flanelas.” Hadid fala,notando que a marca está se inclinando mais na sobreposição de fim de ano do que lançar uma linha inspirada em uma cidade de ski. “Não é exatamente uma aquela vibe de estação de ski, mas essas peças podem ser encaixadas em skis, sempre.”

 

Tradução & Adaptação: Gigi Hadid Brasil

17.10.23
Gigi Hadid está recebendo ameaça de morte após defender a Palestina segundo TMZ
Postado por Equipe GHBR
Compartilhe

Com o conflito de Israel e Palestina acontecendo Gigi Hadid, como esperado, se pronunciou em seu Instagram algumas vezes sobre postando um texto em seu Feed do Instagram e também repostou algumas informações em seu Stories.

Mas após a postagem no Instagram Stories que dizia: “Não há nada de judaico no tratamento dado pelo governo israelense aos palestinos. Condenar o governo israelita não é anti-semita e apoiar os palestinianos não é apoiar o Hamas”, Gigi foi repostada pelo próprio Instagram do governo de Israel com ameaças contra ela.

Desde então, relata o TMZ , toda a família Hadid, não apenas Gigi, mas também seus irmãos Bella e Anwar e seu pai, Mohamed e sua mãe Yolanda têm recebido mensagens ameaçadoras que os fazem temer por suas vidas através de email, redes sociais e seus números privados.

As fontes do meio de comunicação alegam que vários números de telefone da família vazaram online nos últimos dias, levando estranhos a enviar ameaças que supostamente incluem descrições gráficas de como eles realizariam as execuções dos Hadids.

Ainda segundo o TMZ os Hadids mudaram seus números como resultado das ameaças, e Mohamed Hadid, está pensando em recorrer ao FBI.

 

Tradução & Adaptação: Gigi Hadid Brasil

Tags: Notícias
Status do site

Site: Gigi Hadid Brasil
URL: https://gigihadid.com.br
Online desde: 13 de março de 2013
Equipe: clique aqui
Online:
Hospedagem: Flaunt Network

Últimos tweets
Gigi Hadid Brasil - Todos os direitos reservados © 2023
Desenvolvido por Maria Nunes e Uni Design